quinta-feira, 30 de julho de 2009

28 Semanas




O bebé mede aproximadamente 33 cm da cabeça aos pés e pesa cerca de 1,100 kg.
O bebé está a crescer e a desenvolver-se a uma velocidade incrível. O corpo está mais roliço e rechonchudo.
As sobrancelhas e as pestanas agora estão presentes, e os cabelos estão mais espessos.
Consegue abrir e fechar os olhos que estão completamente formados. Acorda e adormece a intervalos regulares e talvez chuche no dedo, se é que não o fazia já.
Os pulmões já são capazes de praticar a respiração, mas se o bebé nascesse agora ainda teria muitas dificuldades para respirar.
Desenvolve-se mais tecido cerebral e as caracteristicas saliências no cérebro já se notam.
Há especialistas que entendem que é por volta desta semana que o feto começa a sonhar.
Tente falar bastante com ele pois já é capaz de reconhecer a sua voz.
Algumas grávidas sentem, por vezes, no abdómen, uma sensação ritmada, parecida com cócegas: muito provavelmente o feto estará com soluços, o que não é preocupante nem dura muito tempo.

A média de ganho de peso da grávida até agora está entre 8 a 12 quilos.
O útero está maior, a cerca de 12 cm acima do umbigo, e situa-se bastante perto do diafragma, o que provocará, à mulher, algumas dificuldades em respirar.
A partir de agora e até ao final da gestação, a grávida voltará a sofrer de bastantes incómodos, tais como cãibras, varizes, indigestão, azia, hemorroidas, ressecamento da pele, inchaço, entre outros.

Estamos no trimestre final. O pai pode ir ao Shopping e comprar alguma coisa para o bebé e, é claro, para a grávida. Fazer massagem com óleos sobre o abdomen e nos pés da futura mãe; ela vai adorar. O pai deve estar envolvido com esse fim de gestação e dar o máximo de sua atenção à mãe. Agora ela precisa mais do que nunca.

Em gestações de baixo risco suas consultas passam a ser quinzenais entre 28-36 semanas; a partir da 36ª semana elas passam a ser semanais. Durante essas consultas, seu médico vai checar a altura uterina, seu peso, pressão sangüínea, análise da urina (para pesquisa de infecção sem sintomas, açúcar e proteínas). Como o parto se aproxima, a posição do bebê é verificada e exames de toque vaginal são feitos para avaliar uma possível dilatação do colo uterino. Se alguma situação de alto risco é detectada (pré-eclâmpsia ou hipertensão induzida pela gravidez, Diabetes Gestacional, Placenta Prévia, Infecção Urinária, etc.), seu médico precisará de visitas mais frequentes para melhor acompanhamento da sua saúde e do bem estar do bebé.

Nessa fase você deve perguntar, perguntar, perguntar e perguntar....

4 comentários:

""Dani.Danilo. Nicholas e Maria Eduarda:) disse...

Oi minha querida, nossa vc já tá bem rechonchuda né?
sinto tua falta lá conosco.beijocas

mamãe Juliana disse...

ai amiga aproveita essa sua barriguinha, pois daqui mais ou menos 12 semanas seu principe vem a esse mundão....
vc viu que fofo o Lipe falando....charme né?
beijos...

Rubia Oliveira Bitencourt disse...

ahuahua aii jesus nem brinca amiga assim eu nem vou dormir mais kkk to mega ansiosaaa!!!

ja lhe envio a listinha ta
bejuuu

Laine disse...

Adoro esses posts, traz sempre uma novidade um conhecimento novo, sobre a fase do bebê.

Bjs